25 fevereiro 2010

Eu vou deixar o som me levar, entrar pelos ouvidos e fluir, vibrar. Quero a batida que me deixe em transe,que me faça entrar em levitação por frações de segundo. Que mecha comigo á ponto de balançar o corpo de um lado para o outro. Eu quero é aproveitar essa psicodelia,eu quero deixar isso percorrer em minhas veias e por um segundo, esquecer todos esses problemas.
Sem modéstias, sem esse padronizamento todo, sem esse modo culto de ser,nessa hora vale tudo. Vale tudo pra esquecer tanta merda já escutada, tanta ladainha. Tanta pocaria que acontece mundo á fora. Quero segurar todos os problemas e no clímax dessa eletricidade, sacar eles para que vão para o mais alto,aonde ninguém possa encontrar, e cair nessa movimentação louca, nesse mar de loucos iguais á mim. Nada melhor que uma boa batida, Life is a beat

Nenhum comentário:

Postar um comentário